NEWS

O efeito Prime: como a Amazon está ajudando associações varejistas nos EUA

A Amazon Prime tem estimulado marcas a fidelizarem o público através de assinaturas

Uma pesquisa recente revela que a força crescente da Amazon, impulsionada por seu popular programa de associação varejista, está ajudando a encorajar os consumidores a assinar serviços semelhantes.

Uma maré alta levanta todos os barcos? Bem, quando se trata de modelos de associação no setor de varejo, talvez este ditado mude para “um Prime crescente levanta a maioria dos barcos”. Muitas marcas de varejo já estabelecidas

Sim, a Amazon Prime está dando um grande “empurrão” a muitas marcas de varejo já estabelecidas, à medida que experimentam as estratégias de associação com as quais a Amazon tem tido um grande sucesso.

De acordo com dados que a empresa de análise AlixPartners compartilhou com o Retail Dive, os membros da Prime estão mais dispostos a testar outros programas da associação.

Os clientes da Amazon Prime são três vezes mais propensos do que outros consumidores a assinar outros serviços, e mais da metade dos membros Prime usam outro serviço além das ofertas da Amazon.

A receita secreta parece ser a familiaridade com a marca. De acordo com os dados da AlixPartners, 88.7% dos consumidores dizem que a próxima assinatura que pretendem ingressar é de uma marca estabelecida, em oposição a uma startup na Internet (11,3%).

Além de tudo isso, os consumidores não parecem estar muito preocupados com o aumento do custo desses serviços, que geralmente acarretam um bom valor. Quando a Amazon aumentou o preço do Prime no ano passado, 53% do público afirmou que a ação não afetou o uso do serviço, e 24% disseram que não estavam cientes da mudança.

“Parece haver espaço para os varejistas aumentarem suas receitas com assinaturas; os clientes não parecem se importar em pagar mais por serviços de assinatura”, disse Roshan Varma, diretor da AlixPartners em Nova York.

O relatório chega no momento em que os programas de fidelidade e de aumento de sócios estão se expandindo no varejo. Varma observou que o negócio de activewear Lululemon, que tem testado um programa de filiação nos últimos meses, está vendo sucesso inicial e está prestes a expandi-lo nacionalmente.

Enquanto isso, o crescimento do programa da Restoration Hardware impulsionou o preço das ações da empresa. E recentemente, a Target anunciou que está expandindo seu programa Target Circle, lançado no ano passado em Dallas, para várias cidades.

Adaptado do conteúdo original da ASAE (American Society of Association Executives).